Após morte de PM, Major Olimpio pede que agentes redobrem cautela

Senador atribuiu a morte do cabo Fernando à ação que deixou 11 mortos na cidade de Guararema (SP) no começo de abril.

Do R7 |

Olímpio: Redobrem a cautela. Redobrem a munição"

Olímpio: Redobrem a cautela. Redobrem a munição” | Fátima Meira/Futura Press/Folhapress

O senador Major Olímpio (PSL-SP) atribuiu neste sábado (4) a morte do cabo Fernando Flávio Flores, da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar), à ação que deixou 11 mortos em uma troca de tiros na cidade de Guararema (SP) no começo de abril.

“Criminosos executaram na manhã de hoje o cabo Fernando, da Rota, com mais de 30 tiros enquanto ele saia da casa dele. É o segundo policial da Rota executado covardemente depois da ação da Polícia Militar e, principalmente, da Rota em Guararema, onde morreram 11 criminosos“, afirmou o senador em um vídeo postado nas redes sociais.

Diante do ocorrido, Olímpio pediu para que os agentes do Estado redobrarem a cautela não se intimidem. “Redobrem a cautela. Redobrem a munição. E senta o dedo nesses malditos. Quem dá tiro na polícia para matar tem mais é que tomar tiro para morrer”, orientou.

De acordo com o senador, “o sangue do Fernando e de tantos outros não jorrou sem ter uma razão”. “Se tiver que chorar, vai chorar a mãe de bandido”, concluiu Olímpio, que avalia existir uma caça contra os agentes.

https://noticias.r7.com/sao-paulo/apos-morte-de-pm-major-olimpio-pede-que-agentes-redobrem-cautela-04052019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *