O Globo destaca participação de Bolsonaro e Major Olimpio em evento da PM

Formatura de sargentos da PM em SP tem clima de comício para Bolsonaro

Candidato do PSL chama críticos de seu plano de governo de ‘analfabetos’

POR JUSSARA SOARES

São Paulo ( SP ) 17/08/2018 Jair Bolsonaro participa de formatura de militares no Anhembi. – Edilson Dantas/ Agência O Globo / Agência O Globo

Quando os familiares que estavam nas arquibancadas foram autorizados a cumprimentar os recém-formados, Bolsonaro desceu do palanque e passou a circular entre o público. Durante os cerca de 20 minutos em que o capitão da reserva do Exército foi cercado com pedido de selfies e gritos de “mito”, os músicos da PM seguiram tocando o repertório da corporação.

https://oglobo.globo.com/brasil/formatura-de-sargentos-da-pm-em-sp-tem-clima-de-comicio-para-bolsonaro-22987073

 

 

 

LEIA: Bolsonaro pede ao TSE a rejeição do registro de candidatura de Lula

O deputado federal Major Olímpio, candidato ao Senado e presidente do PSL em São Paulo, saiu em defesa de Bolsonaro e disse que a simulação das armas é uma “brincadeira” do presidenciável que as crianças gostam. Segundo ele, o gesto não é uma incitação à violência, tampouco um mau exemplo.

— Que mau exemplo? Eu era criança e brincava de bandido e mocinho. Hoje as crianças estão brincando de bandido e bandido — disse o parlamentar. — Quem disse que exercer sua legítima defesa é estimular a violência ou a criminalidade — completou.

LEIA: Fux barra nova manobra para adiar julgamento de Bolsonaro

O governador Márcio França (PSB), candidato à reeleição e aliado do Geraldo Alckmin (PSDB), participou de forma discreta do evento, marcado pela presença de diversos policiais candidato. Enquanto Bolsonaro era ovacionado pelo público, França permaneceu no palanque.

— Ele é um militar. As pessoas gostam dele e é direito das pessoas se manifestaram — disse o governador, afirmado que na visão dele Bolsonaro não extrapolou na sua participação. — Ele nem falou em público — ponderou.

O capitão da reserva do exército chegou ao local com mais de uma hora de antecedência para o evento marcado para 10h. Ele deixou a cerimônia por volta de12h, sem falar com a imprensa.

Antes da solenidade, porém, Bolsonaro chamou de “analfabetos” os críticos de seu plano de governo.

— Não posso responder a esse analfabeto que falou isso aí. Se ele não sabe interpretar, não posso fazer nada. As pessoas que realmente estão preocupadas com o o Brasil gostaram do plano.

LEIA: ‘PT e Bolsonaro são dois radicais’, diz Alckmin em vídeo

O candidato disse que o programa de governo é apenas uma diretriz.

— O plano é uma diretriz, uma intenção. Vocês nunca cobraram plano de ninguém, nunca prestaram atenção a isso. Eu coloquei claramente o que nós pretendemos fazer, mostramos um norte.

Bolsonaro atacou mais uma vez a declaração do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, que admitiu uma possibilidade de união entre PSDB e PT em um eventual segundo turno contra ele.

— Ele (FHC) acabou de mostrar o que sempre foi. Ele não foi diferente do PT. PSDB e PT são irmãos xifópagos. Eles fazem tudo para ficar no poder, até mesmo se unirem. Parabéns para o Fernando Henrique que mostrou quem é o PSDB, igual ao PT. No final das contas, percentualmente (os partidos) têm o mesmo número de deputados envolvidos.

Leia mais: https://oglobo.globo.com/brasil/formatura-de-sargentos-da-pm-em-sp-tem-clima-de-comicio-para-bolsonaro-22987073#ixzz5OSVdaNu0
stest